Publicidade
EM BUSCA DO TURISMO DE EXCELÊNCIA

Se um atendimento de qualidade já faz a diferença na prestação de serviços cotidianos, no turismo ele pode ser decisivo para consolidar um destino entre viajantes nacionais e internacionais. Atento a isso, o Ministério do Turismo estabeleceu como parte das ações do Brasil + Turismo, pacote de medidas do governo para alavancar o setor de viagens no Brasil, o reforço na qualificação profissional de quem atua na linha de frente do atendimento ao turista e, muitas vezes, é o cartão de visitas de um país.

Não tenho dúvida do talento do brasileiro para receber bem. Nossa disposição em acolher o turista é reconhecidamente um de nossos maiores diferenciais. Tanto que uma pesquisa recente do Ministério do Turismo, com os viajantes internacionais que desembarcaram no País em 2016, mostra que a hospitalidade foi avaliada positivamente por 98% dos entrevistados, uma marca que devemos nos orgulhar. E como duvidar da recente eleição feita pela rede de TV norte-americana CNN que nos elegeu o povo mais legal do mundo?

Mas chegou o momento de darmos um passo à frente. O sorriso e o bom-humor, apesar de fundamentais no trato com os turistas, não são garantia de um atendimento de excelência. Precisamos nos qualificar, profissionalizar toda a cadeia do turismo. Afinal, se queremos atingir a marca de 12 milhões de turistas estrangeiros em 2022, precisamos estar preparados para deixar as melhores lembranças em nossos hóspedes.

Estamos trabalhando em duas vertentes: no ensino presencial e também a distância. A proposta é atingir o maior número de pessoas que atuam na linha de frente do atendimento ao turista, bem como capacitar aqueles que desejam entrar no setor. Vale lembrar que o turismo se confirmou como um importante segmento da economia nacional sendo responsável, atualmente, por 7 milhões de empregos diretos ou indiretos. O setor também desempenha um papel fundamental na geração de renda para as cidades que já identificaram a sua vocação turística.

Entre nossas ações de qualificação está o Brasil Braços Abertos, uma plataforma online que disponibiliza aos inscritos 80 horas-aula em áreas de interesse como: atendimento ao turista, planejamento, marketing, prevenção de riscos, segurança, sustentabilidade e ética. Até o momento, já contabilizamos mais de 12 mil inscritos em todo o Brasil, mas queremos mais. As inscrições estão abertas até 30 de setembro e a intenção é que todos que trabalhem ou desejem trabalhar de alguma maneira com o turismo possam aproveitar essa oportunidade.

Além disso, em parceria com o Ministério da Educação, ofertamos cursos por meio do Pronatec Turismo, com destaque para a mais nova ferramenta de qualificação: o MedioTec. Uma iniciativa inédita no País, que proporciona cursos gratuitos para a formação de técnicos de nível médio para atender às necessidades do mercado de viagens. Nossos jovens sairão da escola já com uma profissão e aptos para atender as demandas do setor. Para 2017, serão mais de 4,5 mil vagas para aulas presenciais e 5,6 mil na modalidade de Educação à Distância. 

Para aqueles que querem aprender com a experiência de quem é referência no turismo mundial, contamos com o Programa de Qualificação Internacional que oferecerá 120 bolsas de estudo. Poderão se candidatar estudantes de Turismo e Hospitalidade de instituições públicas e privadas interessados em aprimorar seu conhecimento, durante 11 semanas, em 10 instituições superiores do Reino Unido. Uma oportunidade única para esses estudantes e que, temos certeza, será bem aplicada para atender nossos turistas com excelência. Se depender do Ministério do Turismo, além das belezas naturais e riquezas culturais, o Brasil passará a ser reconhecido internacionalmente também pela qualidade no atendimento ao turista.

 

Marx Beltrão é deputado federal e ministro do Turismo.

TWITTER
@colunach

 
Busca
Redes sociais
@diariodopoder
© 1998 - 2017 - Todos os direitos reservados