Publicidade
Mensagem para o idoso

Ser eternamente jovem – eis o desejo universal. Antigamente, os velhos eram pouco numerosos, pois nada favorecia a longa vida. Hoje, tudo favorece. Os pesquisadores, os clínicos, os geriatras, os gerontólogos, no mundo inteiro, estão atentos para proporcionarem tanto ao homem como à mulher uma vida mais longa. No Brasil, aumentou de forma considerável a média de vida de seu povo. Quando me formei, em 1962, essa média era de 62 anos. Hoje, é de 74. No mundo inteiro, o número de idosos tem aumentado de forma impressionante, isto é, passou muito dos 65 anos. “O tempo é um velho que chama os que viajam”, dizia Charles Chaplin. O tempo é tudo e muita gente joga fora. As pessoas esquecem que a vida é uma passagem e se perdem no caminho. Portanto, meu caríssimo companheiro idoso, procure olhar a vida bem de frente. Estamos na descida da ladeira e, dessa forma, amem a vida com muita seriedade e ela saberá retribuir, dando-lhes em troca saúde, paz de espírito, bem-estar e o afastamento da morte. “Cada minuto de nossa vida é um milagre que não se repete”, dizia sempre o famoso escritor Fernando Pessoa. Assim, não estamos em tempo de desperdício; conviva com a família, com os amigos queridos, participe de reuniões sociais e jogue a solidão fora. Fazendo isso, seus neurônios estarão sempre ativados.
Vida é prêmio, é presente de Deus. A marcha do tempo é inexorável. Ninguém pode pará-la. Viver é uma meta. Na caminhada da vida, nós plantamos; vamos, pois, colher os frutos. Agora, já idoso, o tempo se torna para nós uma joia preciosa. Saibamos aproveitá-lo. Motivo de regozijo é compartilhar a alegria. Particularmente, quero envelhecer com vocês todos perto de mim: meus familiares encantadores sob o comando de minha querida esposa, Myrza, meus clientes adoráveis e meus fiéis e dedicados amigos. Para se conseguir envelhecer bem e feliz, realmente, é preciso ter alegria no coração. A tristeza, a solidão, a depressão são obstáculos terríveis para sua longevidade. Viver em plenitude é o segredo de uma vida feliz. Viver fazendo o que gosta, convivendo com pessoas que você estima, torna grande o objetivo de vida do idoso e representa o segredo da felicidade.
É preciso ter a capacidade de amar e sentir compreensão, de ter alegria e transmiti-la aos outros e ter a certeza de que nossa vida serve a um propósito forte e, finalmente, termos a certeza de nossa ligação com Deus. A busca de eterna juventude é uma eterna busca. O elixir da longa vida inventada pelo cientista Arnold há muitos anos ficou famoso mesmo naquele tempo.
Minha homenagem à vida, esse bem precioso e grandioso que nos pertence, e eu diria, como na canção de Gonzaguinha: “Viver e não ter a vergonha de ser feliz. Cantar e cantar e cantar a beleza de ser um eterno aprendiz. A vida é bonita, é bonita e é bonita”.

Milton Hênio, médico, é membro das academias de Medicina e de Letras e do IHGAL.

Publicidade
TWITTER
@colunach

 
Busca
Redes sociais
@diariodopoder
© 1998 - 2018 - Todos os direitos reservados